Conclusão

O cenário econômico mundial e a competitividade entre as organizações apontam para a necessidade de uma gestão financeira precisa e de estratégias que melhorem os indicadores presentes nas demonstrações contábeis; estratégias focadas na redução do desperdício de recursos e na administração eficiente de custos visando a minimizá-los e a maximizar o lucro.
Nesse contexto, ao se avaliar aspectos da atual conjuntura e possibilidades de crescimento da Cooperativa de Turismo e Transportes de Passageiros COOPERTTRANSP, pondo em prática dentro da organização algumas dessas estratégias, buscou-se amparo em uma metodologia entendida sob dois aspectos: fins e meios.  Quanto aos fins, apresentamos características e correlações entre as variáveis da cooperativa, ações, forma das atividades e a parte financeira do seu balanço patrimonial. Partimos do esclarecimento quanto à forma de trabalho da COOPERTTRANSP, sua formação legal e a participação dos ativos e passivos que contribuem para a importância da participação do capital de giro em sua situação financeira.
Quanto aos meios, a partir de pesquisa bibliográfica, munimo-nos de informação, para realizar a investigação sobre o tema, com o uso de fichas-diagnósticas para análise Swot, entrevista semi-estruturada e questionário aplicado aos associados/cooperados para melhor conhecer o ambiente interno e externo da empresa. Tais instrumentos geraram gráficos que substanciaram a análise quantitativa dos dados apresentados em quadros, tabelas e figuras, na qual também se pautou a análise qualitativa dos dados consolidados, em sua relação com o referencial teórico apresentado, alinhando-a, ainda, aos conceitos ora estudados no curso de Gestão Financeira, da Faculdade Una de Contagem, a saber: Comportamento Organizacional, Economia e Mercado, Empreendedorismo, Matemática Financeira e Modelos e Estruturas Empresariais.
Respondendo a pergunta sobre como organizar a situação financeira da COOPERTTRANSP procurou-se conhecer a estrutura da cooperativa e a sua formação legal, fator relevante no embasamento para elaboração de sugestões de melhoria, tanto na atividade administrativa como financeira dos recursos, traçando estratégias para uma gestão financeira propícia e um planejamento adequado, com o equilíbrio de contas, ou seja, passivos e ativos circulantes ao nível de equilíbrio do capital de giro, o que trará como consequência a possibilidade de aumento das receitas, causando bons reflexos na gestão financeira da COOPERTTRANSP.
Verificou-se que com um número de associados (cooperados) ainda pequeno, a captação de novos entrantes é primordial como fonte de ativos (entrada de dinheiro) para a cooperativa. Em um efeito cascata, elevar-se-á o número de mensalidades recebidas mensalmente, melhorar-se-ão as entradas de ativos circulantes na cooperativa, fortalecer-se-á a movimentação financeira, atender-se-á um maior número de usuários, elevando-se, também, o número de veículos locados.
 Em busca de ampliar essa cartela de usuários do serviço prestado, consequentemente, vem à necessidade de novas estratégias de marketing, porquanto se sugeriu a criação de mala-direta direcionada a novos públicos, bem como de um blog institucional, dando à COOPERTTRANSP maior poder de se firmar em seu nicho de mercado sem aumento de despesas ou passivo circulante.
 No ambiente interno, a satisfação dos associados (cooperados) com a cooperativa é fator extremamente positivo, pois corresponde a estímulo para o trabalho. Vale ressaltar que a COOPERTTRANSP já capacita os associados (cooperados), por meio de filiação a organismos que oferecem cursos ao longo do ano, contribuindo ao aprimoramento de seus colaborados e oferecendo-lhes maior qualificação para suas funções. Ainda assim, outros benefícios como descontos para lazer, combustível etc., fatores que independem de custo adicional, mas, apenas, de negociações junto aos fornecedores, podem ser utilizados também como atrativos na captação dos novos associados/cooperados.
A pesquisa, aproveitando-se da interdisciplinaridade que o curso propicia, justifica-se, portanto, no sentido de fomentar a consciência de que, para que uma empresa possa gerar valor, é necessário encontrar-se o equilíbrio em suas contas e um nível aceitável de capital de giro, acompanhado, porém, permanentemente, diante do impacto financeiro que as diversas mudanças enfrentadas pelas empresas, no cenário econômico e na competitividade entre as organizações, podem fazê-la sofrer.
Sem a pretensão der se esgotar o tema pesquisado, mas de empreender uma ação cidadã ao se estudar o caso COOPERTTRANSP, espera-se que as propostas advindas da análise de sua estrutura financeira, a partir dos conhecimentos adquiridos no curso, sejam postas em prática, dentro da organização, pois se acredita que possam fomentar o alcance de seus objetivos financeiros. A compreensão de que toda organização é movida, sempre, pela capacidade de financiamento do ciclo operacional, por meio do capital de giro, mola-mestra para o bom desempenho financeiro, é fundamental para a sua administração financeira e relevância no processo de tomada de decisão.
A partir do conhecimento da estrutura financeira e do cuidado com a sua gestão, a percepção de que o formato de direcionamento da COOPERTTRANSP é dado pelos associados/ cooperados e de que com cada um deles fica a responsabilidade coletiva de crescimento empresarial, corroborando para uma visão sistêmica do desempenho financeiro da organização estudada, valoriza o fato de que, conforme se demonstrou o alcance dos objetivos traçados para este projeto possa levá-la a melhor utilizar-se desses elementos que já lhe são tão propícios, para que, por sua vez, a COOPERTTRANSP possa atingir no curto e longo prazo os seus objetivos financeiros e manter a sua sustentação econômica.

.
O EXPOUNA é o maior evento acadêmico de produção de conhecimento, novas tecnologias e geração de oportunidades de Minas Gerais.
Visa valorizar novos talentos para o mercado de trabalho e este Blog acadêmico é só uma prévia de uma das equipes que irão se apresentar no ExpoMinas, durante o evento ExpoUna, entre os dias 15 e 17 de junho de 2011.
A programação cultoral e social é diversificada e a entrada será franca.


O que achou do nosso Blog?